Notícias de fato

Jornalismo feito por um time de primeira

Pastoral dos Surdos: superação em primeiro lugar

Posted by Da Redação em 2 de junho de 2009

Por Graciliano Cândido

Foto: Graciliano CândidoObstáculo é sinônimo de impedimento ou desânimo, não para os participantes da Pastoral dos Surdos que vêem como um ponto a superar. Pessoas de todo as idades e cidades do Distrito Federal participam das atividades da pastoral, dentre elas tem catequese, teatro, interpretação de missas e com isso promove integração social. O espaço, é mantido por meio de voluntários e faz parte de mais uma obra da igreja católica que possui outras pastorais parecidas espalhadas por todo o DF.

Amaury Cícero é professor de catecismo da pastoral e tem como dever ensinar a obra de Deus para que todos possam conhecer. Assuntos polêmicos são debatidos durante a aula, nesse sábado o assunto foi sobre drogas, os malefícios e efeitos da droga no corpo das pessoas.

Durante as missas, um voluntário faz a interpretação da missa para os colegas e mais duas pessoas fazem o apoio para ler o evangelho e outros avisos da igreja. Do outro lado, 180 pessoas assistem a missa atentos.

Mãos que evangelizam

Amaury Cícero durante uma de suas aulas de catecismo

Amaury Cícero durante uma de suas aulas de catecismo

No último dia 23, cerca de 40 pessoas do Distrito Federal e de Anápolis saíram rumo a São Paulo. O objetivo da viagem foi para comemorar os 10 anos de criação do grupo mãos que evangelizam que a partir da Língua Brasileira de Sinais (Libras) faz a interpretação de missas, pregações e programas de televisão para portadores de necessidades auditivas. Cecília Amorim, foi uma das participantes da excursão. Ela conta que adorou  a viagem e a visita na Basília de Nossa Senhora Aparecida. Depois da visita em Aparecida do Norte – SP, o grupo partiu para o interior de São Paulo para a sede da Rede Canção Nova de Comunicação, onde aconteceu um dos momentos mais marcantes da excursão, segundo contou Cecília. “Fiquei muito emocionada com os testemunhos de algumas pessoas, principalmente de uma mulher que não ouve nem enxerga e entende as coisas por meio do tato”, observou Cecília. A excursão durou 3 dias.

Cecília Amorim é voluntária na Pastoral dos Surdos  há 4 meses e sente muito feliz por participar das reuniões todos os sábados e poder aprender com as pessoas por meio da Libras. “È importante essa comunicação para levar a palavra de Deus”, testemunha a jovem voluntária. A pastoral precisa da ajuda de voluntários e doações. Os interessados, podem entrar em contato por meio do telefone 3245-1009.

Festa Junina da Pastoral dos Surdos

Data: 11 de julho

Local: 714/ 914 Sul – Próximo ao Colégio Notre Dame

Mais informações: 3245-1009

Conteúdo relacionado:

Paróquia São pedro distribui sopa para pessoas carentes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: