Notícias de fato

Jornalismo feito por um time de primeira

Benefício de famílias que não atualizarem cadastro do Bolsa Família será bloqueado, diz ministra

Posted by Vinícius Ferreira em 25 de agosto de 2010

Da Agência Brasil

Brasília – A ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Márcia Lopes, disse hoje (25) que as famílias não devem ter medo nem receio de fazer a atualização de cadastro do Programa Bolsa Família, que vai até o dia 31 de outubro. A ministra destacou que as famílias que não atualizarem seus cadastros até o fim do prazo terão o benefício bloqueado.

“As famílias devem procurar, o quanto antes, a prefeitura, a coordenação do cadastro único do Bolsa Família em sua cidade. Não deve haver medo ou receio. A atualização é exatamente para acompanhar a participação das famílias no programa. As suas condições de vida, de renda e atualização de endereço e escolaridade dos filhos”, explicou a ministra, durante o programa de rádio Bom Dia, Ministro, produzido pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, em parceria com a EBC Serviços.

Segundo a ministra, 1,1 milhão de famílias em todo país vão passar pelo processo de atualização cadastral, mas até agora vários estados estão bem abaixo de cumprir a meta estipulada. No Ceará, por exemplo, de acordo com a ministra, cerca de 71 mil famílias precisam atualizar seus dados, mas apenas 19.446 compareceram para efetuar a atualização até agora.

“Desejamos que todas as famílias façam a atualização cadastral, para que possamos continuar acompanhando e aprimorando o programa”, afirmou a ministra, que explicou que todas as famílias que precisam da atualização receberam uma notificação.

A ministra disse que a gestão do programa ainda é um grande desafio. Segundo ela, existe vontade política e recursos, mas a integração entre os governos federal, estaduais e municipais ainda precisa melhorar.

Durante a entrevista, a ministra destacou que é possível acabar com a fome no Brasil: “Trinta milhões de pessoas já saíram da pobreza e tivemos uma redução da desnutrição infantil. É inadmissível que uma família passe fome no Brasil. Temos uma dezena de programas e políticas, que cada dia mais chegam aos municípios brasileiros”, afirmou.

Edição: Antonio Arrais

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: